Coronavírus

Minas Gerais Betim (MG) confirma infecção pela variante Delta em idosa de 73 anos

Betim (MG) confirma infecção pela variante Delta em idosa de 73 anos

Paciente não viajou recentemente e não desenvolveu sintomas graves da doença; Minas já confirmou outros 12 casos da variante

  • Minas Gerais | João Lamêgo*, da Record TV Minas, com Célio Ribeiro*, do R7

Caso da Delta foi confirmado em idosa de 73 anos

Caso da Delta foi confirmado em idosa de 73 anos

Reprodução / Pixabay

A Prefeitura de Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, anunciou, neste sábado (21), a confirmação do primeiro caso de infecção pela variante Delta do novo coronavírus.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, o caso foi identificado por meio de uma pesquisa realizada na cidade em parceria com a UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais). A paciente, uma idosa de 73 anos, não fez viagens recentemente e já recebeu as duas doses da vacina contra a covid-19. Apesar de possuir comorbidades, a mulher apresentou sintomas moderados da doença e não precisou ser internada.

Este seria o quarto caso de infecção pela variante Delta na região metropolitana de Belo Horizonte. Anteriormente, foram confirmados casos em dois adolescentes que haviam viajado para o Reino Unido e um terceiro caso em uma profissional de Saúde do Hospital do Barreiro, na capital mineira. Nenhuma dessas pessoas desenvolveu sintomas graves da doença.

No total, Minas Gerais já confirmou 12 casos de infecção pela variante Delta, excluindo este caso recente registrado em Betim. O secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, afirmou recentemente que, mesmo com a melhora nos indicadores da pandemia em Minas, a transmissão comunitária da variante Delta é ‘preocupante’.

*​Estagiários do R7 sob a supervisão de Lucas Pavanelli.

Últimas