Novo Coronavírus

Minas Gerais BH avalia abertura de bares e restaurantes na hora do almoço

BH avalia abertura de bares e restaurantes na hora do almoço

Representantes do setor querem que bares e restaurantes funcionem durante o horário do almoço; Prefeitura disse que irá analisar a proposta

  • Minas Gerais | Célio Ribeiro*, do R7

Bares e restaurantes pedem permissão para reabrir no almoço

Bares e restaurantes pedem permissão para reabrir no almoço

Record TV Minas

O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD), se reuniu nesta terça-feira (18), com representantes de bares, restaurantes e do comércio da capital mineira. Durante o encontro, foi apresentada ao Executivo uma proposta para que os estabelecimentos possam funcionar no horário de almoço.

De acordo com a Prefeitura, os representantes também apresentaram um pedido para que as lojas possam funcionar por mais um dia durante a semana. Atualmente, o comércio não essencial de BH tem autorização para funcionar durante três dias da semana.

Segundo a Prefeitura, as solicitações ainda serão avaliadas pelo prefeito, levando em consideração os indicadores da pandemia na capital. A expectativa dos comerciantes é de que uma nova reunião seja realizada na semana que vem, para que o Executivo dê uma resposta às solicitações.

Flexibilização

No dia 4 de agosto, o prefeito Alexandre Kalil (PSD) anunciou a flexibilização do comércio de Belo Horizonte. De acordo com o decreto, as lojas podem funcionar durante três dias semanas e os dados seriam analisados após três semanas.

Ainda não se sabe quais serão as próximas decisões da Prefeitura, que avalia até a reabertura de parques e praças da capital. A manutenção da flexibilização em Belo Horizonte depende dos indicadores da covid-19. Apesar da ocupação dos leitos de terapia intensiva e enfermaria na capital terem caído, a taxa de transmissão (ou Rt) do novo coronavírus voltaram a subir nas últimas semanas.

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Flavia Martins y Miguel.

Últimas