Minas Gerais BH cria comissão com pais de alunos para discutir retorno às aulas

BH cria comissão com pais de alunos para discutir retorno às aulas

Portaria da Secretaria Municipal de Educação cria colegiado formado por membros de cada escola municipal, pais e servidores para debater assunto

Aulas na rede municipal estão suspensas desde março

Aulas na rede municipal estão suspensas desde março

Divulgação/Rodrigo Clemente/PBH

A Prefeitura de Belo Horizonte está convocando pais de alunos da rede municipal para discutirem a volta às atividades presenciais na cidade. Uma portaria assinada pela secretaria municipal de Educação determina que cada unidade deverá indicar representantes, além dos pais ou responsáveis pelos estudantes.

A Comissão Escolar de Retorno às Atividades Escolares deve se composta por:

- Diretor da unidade
- Vice-diretor da unidade
- Coordenador pedagógico geral
- Dois representantes dos servidores municipais por cada turno de funcionamento
- Representantes voluntários de pais/mães ou responsáveis pelos estudantes e das comunidades escolar
- um representante da PSE (Programa Saúde na Escola), a ser indicado pelas Diretorias Regionais de Saúde

A portaria ainda ressalta que pessoas com mais de 60 anos, que estão em grupo de risco ou têm doenças crônicas não poderão fazer parte da Comissão.

As atividades presenciais na rede municipal de Belo Horizonte foram suspensas em março, após decreto da prefeitura.

Fiscalização

A determinação para criação das comissões ocorre no momento em que o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD) promete endurecer a fiscalização em caso de "baderna". O prefeito citou casos de aglomerações em bares e restaurantes e também em festas clandestinas.

Na última terça-feira (24), Kalil concedeu entrevista coletiva na qual afirmou que o ritmo de contaminação voltou a crescer na capital mineira.  

Últimas