BH se aproxima de 1.000 mortes por covid e ocupação de UTI tem alta

Levando em consideração a rede pública, a taxa de ocupação dos leitos passou de 59% para 64% entre sexta-feira (28) e esta segunda (31) 

Ocupação de leitos voltou a subir em BH

Ocupação de leitos voltou a subir em BH

undefined

Belo Horizonte registrou nesta segunda-feira (31) mais 11 mortes em decorrência da covid-19 e chegou a 979 óbitos. Na sexta-feira (28), último boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura, eram 968. A capital mineira registra mais de 33 mil casos confirmados da doença.

Neste mesmo período, a taxa de ocupação das UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) para pacientes em estado grave com a covid-19 aumentou. Na sexta-feira, 59,2% dos 424 leitos da rede pública estavam ocupados. Nesta segunda-feira (31), no entanto, essa taxa é de 64,4%.

A ocupação das UTIs também aumentou entre os hospitais da rede suplementar. No mesmo intervalo, essa ocupação passou de 44% para 49,8%. 

Levando em consideração os dois sistemas (público e privado), as UTIs estão ocupadas em uma proporção de 58 leitos a cada 100 disponíveis. Na sexta-feira, a ocupação era de 52%.