Coronavírus

Minas Gerais BH tem a menor ocupação de UTI covid dos últimos 113 dias

BH tem a menor ocupação de UTI covid dos últimos 113 dias

Percentual chegou a 71,8% nesta sexta-feira (18), se aproximando do patamar necessário para deixar o índice de alerta vermelho

  • Minas Gerais | Do R7

RT também registrou reduçaõ

RT também registrou reduçaõ

Reprodução / PBH

Belo Horizonte registrou, nesta sexta-feira (18), a menor taxa de ocupação de UTIs (Unidade de Tratamento Intensivo) dedicadas à covid-19 dos últimos 113 dias, ou seja, quase quatro meses.

De ontem para hoje, o indicador reduziu de 72,4% para 71,8%. O índice permanece no indicador vermelho, mas se aproxima da fase amarela, de alerta médio, registrada abaixo de 70%.

A última vez que a prefeitura registrou um percentual menor que este foi no dia 25 de fevereiro. Na data, o indicador chegou a 69,7%.

Nesta sexta-feira, a ocupação das enfermarias dedicadas a pacientes com covid-19 passou de 53,9% para para 55,5%. Apesar do aumento, se manteve no alerta amarelo.

Já o RT, que monitora o ritmo de transmissão do vírus na cidade, recuou de 0,91 para 0,90, indicado cada grupo de 100 infectados contaminam outras 90 pessoas. A última vez que ele atingiu este patamar foi no dia 19 de abril de 2021. Este é o único indicador no verde.

A melhoria nos números permitiu à prefeitura ampliar a autorização de retorno às aulas presenciais para até o 9º do ensino fundamental.

A capital mineira registrou 38 novas mortes, chegando a 5.560 óbitos. Mais 1.220 pessoas receberam diagnóstico positivo para a covid-19, elevando para 227.764 o número de infectados desde o início da pandemia. Os curados somam 214.713.

Últimas