Novo Coronavírus

Minas Gerais BH tem três quartos dos leitos de UTI para covid-19 ocupados

BH tem três quartos dos leitos de UTI para covid-19 ocupados

Situação permanece pior entre os hospitais particulares que, pelo segundo dia consecutivo, tem ocupação acima dos 80%; restam 126 leitos de UTI em BH

  • Minas Gerais | Lucas Pavanelli, do R7

Situação é pior entre hospitais particulares de BH

Situação é pior entre hospitais particulares de BH

Reprodução / Pixabay

Três em cada quatro leitos de UTI específicos para pacientes com covid-19 em Belo Horizonte estão ocupados, de acordo com boletim epidemiológico divulgado nesta terça-feira (22) pela prefeitura. Em apenas 24 horas, a taxa de ocupação subiu seis pontos percentuais, passando de 70,1% para 76,5%. 

Isso significa que, dos 533 leitos existentes tanto na rede pública como na privada da capital mineira, apenas 126 estão livres. 

A situação continua pior entre os leitos da rede particular, cuja taxa de ocupação permanece, pelo segundo dia seguido acima da casa dos 80%.

A rede suplementar, que atende a pacientes com acesso planos de saúde, é a que tem maior número de leitos. São 284, dos quais 81,7% estão ocupados. Nesta segunda-feira, essa taxa era de 82,7%. Com isso, o número de leitos disponíveis passou de 49 para 52. 

Já a rede do SUS em Belo Horizonte conta com 249 leitos específicos para covid-19, dos quais 70,7% estão ocupados. 

Casos confirmados e óbitos

O número de casos confirmados na capital mineira ultrapassou a casa dos 60 mil. Foram confirmados 463 novos casos, o que elevou o número de testes positivos em BH de 59.804 para 60.267. 

Já o total de óbitos passou dos 1.800. Nas últimas 24 horas, a Prefeitura de Belo Horizonte registrou 12 mortes e o total, hoje é de 1.801. 

Últimas