tragédia brumadinho
Minas Gerais Brumadinho: Pousada desaparece com 38 pessoas, segundo Bombeiros

Brumadinho: Pousada desaparece com 38 pessoas, segundo Bombeiros

Segundo informações do tenente Pedro Aihara, chefe da comunicação do Corpo de Bombeiros, local costuma ficar cheio no fim de semana

Local onde ficava pousada é tomado por lama

Local onde ficava pousada é tomado por lama

R7 Minas

Uma pousada com 38 pessoas, entre hóspedes e funcionários, desapareceu após ser atingida por rejeitos da barragem de Brumadinho, na região metropolitana, na tarde desta sexta-feira (28). O local costuma ser escolhido por turista que visitam o Inhotim, maior museu a céu aberto do País. 

Segundo o tenente Pedro Aihara, chefe da imprensa do Corpo de Bombeiros, a Pousada Nova Estância costuma ficar lotada nos fins de semana. No local, a lama tomou conta de toda a área do imóvel, que foi varrido pela força dos rejeitos. 

De acordo com Flavio Miranda, morador da região, a pousada pertence a um grupo de empresários de Belo Horizonte, mas estava arrendada para outro investidor.

— Os hóspedes começavam a chegar a partir de quinta-feira na pousada. Nos finais de semana, costumava ficar cheio.

A pousada constumava receber hóspedes famosos, como o cantor Caetano Veloso, que usufruiam de uma das hospedagens mais luxuosas da região.