Minas Gerais Casos de Aids em Minas Gerais aumentam 112% em 20 anos

Casos de Aids em Minas Gerais aumentam 112% em 20 anos

Em 1999, a Secretaria de Estado de Saúde registrou 1.570 casos e, duas décadas mais tarde, o número passou para 3.344, uma média de 11 por dia

Casos de Aids aumentaram em Minas Gerais

Casos de Aids aumentaram em Minas Gerais

Segredos do Mundo

Nos últimos 20 anos, o número de casos de Aids aumentou 112% em Minas Gerais. De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde, em 1999 foram registrados 1.570 casos contra 3.344 neste ano, uma média de 11 casos por dia.

Em 2019, conforme os dados da pasta, a faixa etária entre 20 anos e 34 anos é a que registra maior índice de infecção. 

Uma vez infectado pelo HIV, não há cura. Mas há, sim, tratamento, que é fornecido de graça pelo SUS (Sistema Único de Saúde), e a pessoa consegue viver normalmente. Por isso, o diagnóstico precoce é tão importante, como explica o infectologista Estevão Urbano.

— Geralmente o vírus demora alguns anos para causar o adoecimento, que nos chamasmo de Aids. Mas o tratamento precoce, antes que os sintomas ocorram, desde que feito de forma adequada, impdem que o estado de portador avance para o estado de doença.

Ele ainda lembra: uma vez iniciado o tratamento, a transmissão é interrompida.

— O tratamento é benéffico para pessoa e coletivo. Tratamento quantidade de virus muito baixa, embora não dispense o sexo seguro, na eventualidade de sexo não seguro acontecer, a chance de transmissão é bem menor,