Minas Gerais CCBB expõe obras de uma das mais importantes coleções de arte do mundo

CCBB expõe obras de uma das mais importantes coleções de arte do mundo

"Visões na Coleção Ludwig" comemora um ano do centro cultural em BH

CCBB expõe obras de uma das mais importantes coleções de arte do mundo

Obras de Picasso estão na exposição

Obras de Picasso estão na exposição

Divulgação/CCBB

O Centro Cultural Banco do Brasil comemora um ano em Belo Horizonte com a exposição “Visões na Coleção Ludwig”. A mostra reúne obras de uma das mais importantes coleções particulares de arte no mundo. Telas, esculturas, fotografias e vídeos devem ocupar as galerias de arte do CCBB BH, que tem entrada gratuita na Praça da Liberdade, na região centro-sul da capital, até 20 de outubro.

As obras são da coleção reunida pelo empresário alemão Peter Ludwig, considerado um dos patronos das artes em seu país. A coleção de Ludwig totaliza quase 20 mil peças, distribuídas em 12 Museus Ludwig presentes em países como Alemanha, Áustria, China, Hungria, Rússia e Suíça. No CCBB BH, a exposição reúne obras de diferentes períodos estéticos assinadas por artistas icônicos como Picasso, Andy Warhol, Jean-Michel Basquiat, Jeff Koons, entre outros. 

Leia mais notícias no R7 MG

Um dos destaques da “Visões na Coleção Ludwig” é o óleo sobre tela de Gottfried Helnwein, nomeada Cabeça de criança de 1991. Com 6,50m de altura, a obra impressiona pelo hiperrealismo.

Peter Ludwig (1925-1996)

Peter Ludwig estudou história da arte, arqueologia, história e filosofia em Mainz, na Alemanha. Em 1951 tornou-se diretor na empresa Monheim Schokolade, período em que começou a se dedicar à sua coleção de arte.

Tornou-se um nome importante no cenário das artes quando passou a adquirir obras que faziam parte do movimento conhecido como pop art. A partir dos anos 1970, suas atividades como colecionador aumentaram ao ponto de adquirir ao menos uma obra por dia. Sua vasta coleção, porém, decorava não apenas a sua casa e escritórios, mas também foi emprestada a vários museus da Alemanha. Em muitos casos, o empréstimo acabou tornando-se uma doação permanente, fazendo com que muitos espaços passassem a ter o nome de Ludwig, em reconhecimento à sua generosidade.  

Serviço

Visões na Coleção Ludwig
Data: 20/8 a 20/10 (Todos os dias, exceto às terças-feiras)  
Horário: de 9h às 21h   
Local: Centro Cultural Banco do Brasil – Praça da Liberdade, 450, Funcionários  
Entrada gratuita

    Access log