Minas Gerais Condenado por tráfico há 12 anos, italiano foragido é preso em Minas

Condenado por tráfico há 12 anos, italiano foragido é preso em Minas

Segundo a PF, a Justiça da Itália condenou o homem a 11 anos de prisão por traficar cocaína para o país europeu escondida em carga de pedras preciosas

Teófilo Otoni é o maior pólo de pedras preciosas do país

Teófilo Otoni é o maior pólo de pedras preciosas do país

Reprodução/Facebook

Um italiano de 61 anos, foragido desde 2007 e procurado pela Interpol, foi preso na manhã desta quarta-feira (11) em Teófilo Otoni, no interior de Minas Gerais, a 462 km de Belo Horizonte. 

Condenado na Itália a uma pena de 11 anos e 10 meses de prisão por tráfico de drogas, o italiano foi encaminhado para Governador Valadares, a 138 km de distância, onde aguardará o trâmite do processo de autorização de sua extradição para o seu país de origem pelo STF (Supremo Tribunal Federal).

Brasil extradita traficante de drogas italiano

Segundo a Polícia Federal, o homem, nascido em Milão, foi condenado por traficar cocaína do Brasil para a Itália escondida em cargas de pedras semipreciosas. A cidade do interior de Minas onde o italiano estava escondido é conhecida por ser o maior centro de lapidação e comercialização de pedras preciosas do país. 

Segundo a Prefeitura de Teófilo Otoni, mais de 3 mil empresas de lapidação de gemas funcionam no município.