Coronavírus

Minas Gerais Covid-19: uso de máscaras no saguão do Aeroporto de Confins passa a ser opcional

Covid-19: uso de máscaras no saguão do Aeroporto de Confins passa a ser opcional

Medida foi adotada após a liberação do item na cidade da Grande BH; utilização continua obrigatória na sala de embarque e no voo

  • Minas Gerais | Núbia Roberto, da Record TV Minas

Uso continua obrigatório na sala de embarque

Uso continua obrigatório na sala de embarque

Freepik/Reprodução

O uso de máscaras de proteção não é mais obrigatório no saguão do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte.

A decisão foi divulgada pela BH Airport, concessionária que administra o terminal, após a prefeitura do município liberar a utilização do item de proteção contra a Covid-19 em ambientes abertos e fechados. A empresa informou que o uso continua obrigatório na sala de embarque e no voo.

Segundo o prefeito Geraldo Gonçalves dos Santos (Solidariedade), a medida foi tomada por causa da ampla vacinação na cidade. 

Máscaras em MG

No início do mês, o Governo de Minas Gerais anunciou que pretende liberar o uso de máscaras em ambientes fechados no estado a partir de 1º de maio.

Segundo o secretário de Saúde, Fábio Baccheretti, o estado deve orientar a liberação de todo o território mineiro na data, mesmo nas cidades que não atingirem 70% do público-alvo vacinado com a 3ª dose, caso os índices de Covid-19 permaneçam estáveis.

Na capital mineira, o uso de máscaras continua obrigatório em locais fechados. 

Últimas