Minas Gerais Cruzeirense veste camisa do Atlético-MG para homenagear o pai falecido

Cruzeirense veste camisa do Atlético-MG para homenagear o pai falecido

Torcedor postou um vídeo vestindo a camisa do rival, no domingo de Dia dos Pais, para ir ao velório do pai 

  • Minas Gerais | Daniela Fernandes, Da Record TV Minas

Francisco sofreu um mal súbito e não resistiu

Francisco sofreu um mal súbito e não resistiu

Reprodução/Arquivo Pessoal

Um torcedor cruzeirense deixou a rivalidade de lado para homenagear o pai atleticano, no último domingo (14). Fábio Santana comprou a camisa do rival, marcou o nome do pai e gravou um vídeo, emocionado, mostrando que, apesar da rivalidade, faria aquilo pelo Francisco, chamado carinhosamente pelo filho de “Chicão”.

Francisco trabalhava com transporte de cargas e estava a caminho de Uberlândia, a 562 km de Belo Horizonte, quando teve um mal súbito, desmaiou e capotou o caminhão. De acordo com a perícia, o caminhoneiro morreu antes mesmo do veículo sair da estrada. Fábio recebeu a notícia logo depois do acidente, na madrugada do sábado (13), na véspera do Dia dos Pais. O gestor comercial, que mora em Santo André (SP) há três anos, já estava com a vinda marcada para Belo Horizonte, mas precisou adiantar por causa da perda.

Fábio torce para o time celeste desde criança, apesar do pai sempre ter torcido para o rival alvinegro. Isso aconteceu por influência dos amigos do bairro e da escola durante a infância do cruzeirense. Segundo ele, o pai trabalhava fora dia e noite e, por causa da ausência, não teve tanta influência do pai. Ele conta que vestir a camisa do Galo foi muito difícil e algo que ele nunca se viu fazendo, mas lembrou de quando chegava em casa e o pai entregava a camisa do time, brincando, e falava pra ele vestir.

"Eu sempre fui muito apaixonado pelo Cruzeiro, mas lembrei dele brincando com a camisa, ele tinha vontade de um dia me ver com a camisa do Galo. Então, eu pensei ‘vou vou me despedir do meu pai, no dia dos pais, do jeito que ele queria me ver’", disse. 

O vídeo publicado no perfil de Fábio tem mais de 73 mil visualizações e 500 comentários até o momento. Em outro perfil que compartilha vídeos de BH e região, o post tem mais de 209 visualizações e 800 comentários.

O cruzeirense conta que sempre esteve com o time, mesmo nas piores fases, e até já foi premiado pelo clube por ser um dos maiores apoiadores. "Eu sou apaixonado com o Cruzeiro e nunca vou deixar de ser. Nunca deixei de pagar o sócio-torcedor, mesmo depois de mudar para São Paulo, compro todas as camisas novas e vou aos jogos sempre que consigo", afirmou. 

Para Fábio, o gesto de amor feito para o pai pode ser precursor de uma união das duas maiores torcidas de Minas. Na loja que fez a compra, funcionários e clientes ficaram emocionados com a homenagem. O cruzeirense também conta que está recebendo muitas mensagens de carinho dos dois times e que isso ameniza um pouco a dor do momento.

"Acho que é uma resposta pela vida de servidão que meu pai teve. Ele sempre fez o bem ao próximo, trabalhou muito e serviu a comunidade, e agora está recebendo muito carinho aonde quer que esteja", finalizou. 

Últimas