Minas Gerais Dois policiais são presos suspeitos de extorsão em Belo Horizonte

Dois policiais são presos suspeitos de extorsão em Belo Horizonte

Segundo investigações, homens estariam tomado o carro da vítima e exigiam R$ 20 mil para devolvê-lo; suspeitos se passaram por agentes da Polícia Civil

Carro foi deixado próximo a uma delegacia

Carro foi deixado próximo a uma delegacia

Reprodução / Google Street View

Dois policiais militares foram presos por suspeita de extorsão, nesta sexta-feira (8), no bairro Planalto, na região Norte de Belo Horizonte. Segundo a denúncia, os homens teriam tomado o carro de uma vítima e exigiam R$ 20 mil para devolver o veículo.

De acordo com as investigações, os suspeitos se passaram por policiais civis para ameaçar a vítima. Nesta sexta-feira, o irmão da vítima procurou o Depatri (Departamento de Repressão aos Crimes Patrimoniais). Ainda na delegacia, o homem recebeu a ligação de um dos policiais suspeitos que negociavam o resgate do carro.

Orientado pelos investigadores, a vítima disse que teria o dinheiro e marcou de fazer a troca em frente a uma delegacia, onde os homens supostamente trabalhariam. Os agentes do Depatri foram até o local e conseguiram prender os dois policiais militares.

Procurada, a Polícia Militar informou que a corregedoria da corporação acompanha o caso e que os policiais envolvidos na ocorrência estão presos e está à disposição da Justiça.

Confira a nota da PM na íntegra:

“A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) esclarece que não concorda e não admite estes eventuais desvios de conduta. E salienta que a Corregedoria da Instituição já acompanha o fato desde o momento da prisão dos policiais e que está adotando todas as medidas legais cabíveis ao caso, respeitando o direito da ampla defesa e do contraditório dos envolvidos.

A PMMG ressalta, ainda, que os policiais estão presos em unidades da PM, em Belo Horizonte, à disposição da Justiça.”