Novo Coronavírus

Minas Gerais Em dia com recorde de mortes, MG reduz as cidades na onda roxa

Em dia com recorde de mortes, MG reduz as cidades na onda roxa

Restrição máxima para conter a covid-19 vai ser mantida em 770 municípios, enquanto 56 avançam para a fase vermelha

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento com Célio Ribeiro*, do R7

Mapa mostra a classificação de cada região

Mapa mostra a classificação de cada região

Reprodução / Imprensa MG

No dia em que Minas Gerais registrou um novo recorde de mortes por covid-19, com 508 óbitos, o Governo Estadual reduziu o número de cidades na ‘onda roxa’, a fase mais restrita do plano Minas Consciente.

No total, 56 cidades da macrorregião Triângulo do Sul e das microrregiões de São Gotardo, Taiobeiras e Montes Claros/Bocaiúva avançam para a ‘onda vermelha’, que flexibiliza as atividades não essenciais e permite a realização de eventos com até 30 pessoas. Essas regiões têm, juntas, mais de 1,5 milhão de habitantes.

Leia também: Governo de Minas suspende toque de recolher definitivamente

O governo alegou que foi possível fazer a alteração em função na melhoria dos dados coletados nestas regiões nos últimos dias. Com as mudanças, reduziu para 770 o número de municípios mineiros na onda roxa.

A macrorregião do Triângulo do Norte, com mais 27 cidades e mais de 1 milhão de habitantes, já havia deixado a fase mais restrita na última semana.

* Estagiário do R7, sob supervisão de Pablo Nascimento

Últimas