Minas Gerais Estrangeiros presos após furtos em série em drogarias de Minas Gerais

Estrangeiros presos após furtos em série em drogarias de Minas Gerais

Entre os presos estão um casal de colombianos e um chileno; trio foi flagrado em blitz da PM com uma carga avaliada em R$ 45 mil

  • Minas Gerais | Ricardo Vasconcelos, da Record TV Minas

Suspeitos estavam com carga avaliada em R$ 45 mil

Suspeitos estavam com carga avaliada em R$ 45 mil

Divulgação/ PMMG

Um casal de colombianos e um chileno foram presos por suspeita de cometer furtos de cosméticos e perfumes de alto valor em drogarias de Minas Gerais.

De acordo com a Polícia Militar, os suspeitos, uma mulher e dois homens, estavam com uma carga avaliada em R$ 45 mil, quando foram encontrados, por volta de 17h30 desta sexta-feira (3), após cometer um dos crimes, no bairro Santa Amélia, na Pampulha, em Belo Horizonte.

Ainda segundo a PM, o trio estava em um carro com placa de São Paulo e seguia pelo Anel Rodoviário, sentido Rio de Janeiro, quando foi parado em uma blitz do GTR (Grupo Tático Rodoviário). Para os militares, os suspeitos disseram que são do RJ, mas não revelaram o que estavam fazendo em Minas.

Sobre a carga transportada, contaram que foi comprada na Feira do Brás, em São Paulo. No entanto, ao averiguar a procedência dos produtos, a PM constatou que foram furtados de várias drogarias, sendo, inclusive, reconhecidos por comerciantes, acionados pelos militares. Câmeras de segurança das lojas também registraram as ações do grupo. 

A PM também constatou que os furtos foram praticados em Uberaba, no Triângulo Mineiro; Juiz de Fora, na Zona da Mata; São João Del Rei e Confins, na região Central; Lagoa Santa, na região metropolitana e Belo Horizonte.  O material apreendido e os estrangeiros foram encaminhados à Central de Flagrantes Barreiro. Até o momento da publicação desta matéria, eles eram ouvidos pelo delegado Felipe Augusto. 

A Polícia Civil informou que analisou diversas imagens das câmeras de segurança, relatórios de inteligência, histórico do veículo e a análise de mais de oito outras ocorrências que os indivíduos podem estar envolvidos. Parte dos bens recuperados já foram restituídos às vítimas e o veículo envolvido no crime foi apreendido.

O inquérito foi encaminhado para a Delegacia responsável por dar prosseguimento às investigações.

Últimas