Minas Gerais Família busca informações sobre brasileira desaparecida nos EUA

Família busca informações sobre brasileira desaparecida nos EUA

Welida Cristina, de 38 anos, foi vista pela última vez no início do mês de julho; parentes foram avisados pelo ex-marido da mulher

Uma família de Ipatinga, a 209 km de Belo Horizonte, busca notícias de uma mineira de 38 anos que mora em Nova Jersey, nos Estados Unidos, e estaria desaparecida desde o início de julho.

Welida Cristina Pereira mora em um condomínio fechado e foi vista pela última vez no dia 6 de julho, quando pagou o aluguel da casa onde mora. O irmão dela, Wemerson Anicio Pereira, só foi avisado do desaparecimento da familiar no dia 28 de julho, pelo ex-marido dela.

— Depois de 6 de julho, ninguém a viu mais no prédio. Eu fiquei sabendo que ela estava muito deprimida, fumando muito, sem conseguir dormir. Há algum tempo atrás ela havia conhecido uma pessoa e até chegaram a morar juntos. Ela me ligava às vezes para falar de problemas que eles passavam, mas nunca entrava em detalhes.

Welida mora nos Estados Unidos desde os 19 anos. De acordo com o irmão, o ex-marido e pai do filho dela está no país e acompanha o caso. A criança está morando atualmente com o pai. Pereira afirma que não conhecia o antigo companheiro da irmã, mas não acredita que ele tenha envolvimento no caso.

Veja: Mineiro de 22 anos é morto a tiros em bairro turístico de Portugal

Welida tem 38 anos e mora desde os 19 nos EUA

Welida tem 38 anos e mora desde os 19 nos EUA

Reprodução / Record TV Minas

— Ele gravou um vídeo depois mostrando que a casa estava vazia e o carro dela não estava lá. Nesse início ele está ajudando a polícia com informações.

O irmão de Welida já procurou uma delegacia no Rio de Janeiro e a Embaixada dos Estados Unidos no Brasil. Ele afirma que a família está aflita, mas que eles continuam com esperança de encontrar a mineira com vida.

— A polícia de onde ela mora está tentando encontrá-la e a Embaixada também está dando suporte. Estamos ansiosos e tristes com o ocorrido, mas temos certeza que Deus vai nos dar uma resposta positiva.

Últimas