Novo Coronavírus

Minas Gerais Governo de MG alerta para aumento de internações em UTIs para covid

Governo de MG alerta para aumento de internações em UTIs para covid

Secretário de Saúde disse que não vê necessidade de reabrir hospital de campanha, mas disse que a população deve se prevenir contra o vírus 

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

Internações em leitos para covid em MG cresceram

Internações em leitos para covid em MG cresceram

Reprodução/Pixabay

O secretário de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral, alertou a população para o aumento dos casos de covid-19 no Estado e o crescimento do número de internações nas UTIs (Unidades de Tratamento Intensivo).

Durante coletiva para atualizar os dados da pandemia, realizada nesta quinta-feira, o médico que comanda o setor de Saúde em Minas, destacou que os atendimentos nos centros terapia intensiva voltaram a crescer nas últimas três semanas, após registrar uma queda.

— Isso chama atenção porque nós, do ponto de vista da rede de assistência à saúde, aprendemos a tratar melhor os pacientes com covid-19. Isso impacta de forma geral na permanência um pouco maior nos leitos de UTI e a consequente ocupação na terapia intensiva.

Questionado pela reportagem, Amaral descartou a necessidade de ter que reabrir o hospital de campanha desativado no mês de agosto, sem ter sido usado. O secretário explicou que não há falta de leitos simples, que seriam o foco deste tipo de estrutura, e afirmou que o Estado ampliou os leitos de UTI nos hospitais públicos enquanto a unidade de campanha foi montada.

O representante do governo alertou, entretanto, que a população deve seguir as ações de distanciamento, como uso de máscara e evitar aglomerações, para que não tenha um descontrole de casos em Minas.

Para Amaral, o Estado não passa por uma segunda onda e, sim, uma continuação da primeira onda, que causou o maior número de mortes por volta do mês de julho. Sobre a aproximação das festas de fim de ano, o secretário disse que os moradores devem evitar exposição a grandes multidões e, em caso de viagens, devem tomar todos os cuidados de distanciamento.

— Efetivamente há um aumento da incidência dos casos de covid-19 no Estado e é fundamental que todos os cidadãos estejam alinhados no sentido de aumentar medidas de distanciamento social.

Dados

Minas Gerais registrou até esta manhã 428.790 infectados e 10.187 mortes causadas pela covid-19. Dados do governo apontam que 65,36% das UTIs e 68,72% das enfermarias estão ocupadas no momento.

Últimas