Minas Gerais Governo de Minas confirma primeira morte por dengue no ano

Governo de Minas confirma primeira morte por dengue no ano

Óbito aconteceu em Espinosa, no norte do estado; Belo Horizonte lidera lista de casos, com 664 notificações da doença

  • Minas Gerais | Antonio Paulo, da Record TV Minas

Espinosa é a 3ª cidade com mais casos de dengue

Espinosa é a 3ª cidade com mais casos de dengue

Pixabay/Reprodução

A SES-MG (Secretaria de Saúde de Minas Gerais) confirmou, nesta terça-feira (22), a primeira morte por dengue neste ano. O óbito foi divulgado pelo boletim epidemiológico de monitoramento de casos da doença, de chikungunya e zika. Outras duas notificações estão sendo investigados.

De acordo com a pasta, a confirmação da morte aconteceu na cidade de Espinosa, a 690 quilômetros de Belo Horizonte. Detalhes sobre a identidade do paciente não foram divulgados.

No ano passado, oito pessoas morreram de dengue no estado. Em 2022, Minas Gerais já teve 1.289 confirmações de contaminação, sendo que mais da metade (664) foi registrada na capital mineira.

Espinosa é a terceira cidade em Minas com mais casos da doença, com 189 infecções confirmadas, em uma população estimada, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), de um pouco mais de 31 mil habitantes.

O boletim também confirmou 30 casos de chikungunya e três de Zika. Não houve registro de mortes pelas duas doenças em Minas neste ano.

Últimas