Minas Gerais Homem pagou R$ 2.500 para matar amante que conheceu pelo Facebook 

Homem pagou R$ 2.500 para matar amante que conheceu pelo Facebook 

Vendedor era noivo e não aceitou romper com mulher casada em Juiz de Fora

Homem pagou R$ 2.500 para matar amante que conheceu pelo Facebook 

Giovani dos Reis negou ter conhecido a vítima

Giovani dos Reis negou ter conhecido a vítima

Polícia Civil / Divulgação

Um relacionamento extraconjugal que teve início no Facebook terminou em morte por ciúmes em Juiz de Fora, na Zona da Mata. O vendedor Geovani Silva dos Reis, 29 anos, foi apresentado nesta sexta-feira (2) pela Polícia Civil como mandante do assassinato de Andressa Aparecida Minervino Hauck, de 26.

Com o fim da relação, que durou quase um ano, ele teria pago R$ 2.500 a um pistoleiro para que a amante fosse morta. Andressa foi atingida por cinco tiros no pescoço, no peito e na perna quando saía de casa no dia 30 de julho, no distrito de Paula Lima.

Pedreiro é morto por engano em Juiz de Fora

Idoso morre após ser esmagado por seis toneladas de granito em Juiz de Fora

Segundo o delegado Rogério Couto, Giovani dos Reis negou tudo em depoimento, inclusive que conhecesse a vítima. Testemunhas, no entanto, relataram que o homem fazia ameaças constantes e que chegou a mostrar fotos do casal para o marido de Andressa. Giovani também era noivo e teria sido adicionado pela vítima no Facebook em outubro de 2012.

Andressa Hauck chegou a registrar um boletim de ocorrência por ameaça, mas não teria dado sequência à denúncia.

Giovani dos Reis foi preso na noite de ontem (1º). De acordo com o delegado, o pistoleiro já foi identificado.