Minas Gerais Homem suspeito de estuprar menina de dois anos é preso

Homem suspeito de estuprar menina de dois anos é preso

Suspeito também teria abusado da mãe da menina quando criança; vítima apresentava mudança de comportamento e lesões 

  • Minas Gerais | Pollyana Sales, da Record TV Minas

Criança apresentava mudanças de humor e lesões

Criança apresentava mudanças de humor e lesões

Divulgação/Pixabay

Um homem foi preso em flagrante neste domingo (30), suspeito de abusar sexualmente de uma criança de dois anos em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte. O suspeito é padrasto da mãe da menina e já teria cometido o mesmo crime com a mãe e a irmã da vítima, quando elas eram crianças. 

Segundo boletim de ocorrência, a mãe percebeu que a menina apresentava mudança de humor e notou lesões nas partes íntimas da criança. A vítima foi encaminhada para o Hospital Municipal de Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, para receber atendimento. A criança relatou à polícia que o homem teria colocado o dedo em suas partes íntimas para passar remédio.

Veja: Polícia Civil prende 14 suspeitos de abuso contra crianças em MG

A mãe da menina ainda desconfia que a violência pode ter acontecido outras vezes, pois mora na mesma casa que o suspeito e a avó materna da criança tomava remédios que poderiam provocar sonolência e deixava a menina com o marido. A polícia ainda informou que o suspeito negou as acusações e a avó da menina disse que não tem conhecimento das agressões.

Ainda de acordo com o boletim de ocorrência, a mãe da vítima relatou que já foi violentada pelo padrasto quando tinha 10 anos de idade, mas a família não teria acreditado na época e não teria tomado providências. A irmã da criança, de 14 anos, também contou à mãe que o homem teria tentado violentá-la aos quatro anos.

Segundo a polícia, o suspeito foi encaminhado para o sistema prisional e a investigação segue em andamento na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher do município. A criança foi encaminhada para o Instituto Médico Legal para fazer mais exames.

Últimas