Novo Coronavírus

Minas Gerais Idosa com Alzheimer deixa hospital sob aplausos após cura da covid-19

Idosa com Alzheimer deixa hospital sob aplausos após cura da covid-19

Carlinda Paiva, de 89 anos, mora em Pará de Minas, a 83 km de BH, e foi a primeira paciente com coronavírus atendida no hospital da cidade

  • Minas Gerais | Akemí Duarte, da RecordTV Minas e Luíza Lanza*, do R7

Dona Carlinda deixou o hospital aplaudida

Dona Carlinda deixou o hospital aplaudida

Reprodução/RecordTV Minas

Uma idosa de 89 anos, moradora de Pará de Minas, a 83 km de Belo Horizonte, emocionou familiares e profissionais da área da saúde ao deixar o HNSC (Hospital Nossa Senhora da Conceição) curada da covid-19

Carlinda Paiva tem mal de Alzheimer e foi a primeira paciente com caso confirmado de coronavírus a ser atendida pela unidade de saúde. 

Depois de passar mais de duas semanas internada, acompanhada pela filha Maria de Lourdes, a idosa deixou o hospital aplaudida pela equipe de saúde. Ela foi encaminhada para casa, onde, seguindo recomendações médicas, vai permanecer em isolamento por sete dias. 

Leia mais: MG confirma morte de idoso de 95 anos e de outras 3 pessoas por covid

Familiares de dona Carlinda, que passaram todo esse tempo sem vê-la, contam ansiosamente os dias para que possam fazer uma visita. A neta, Gisele Carlinda Amorim, fala sobre a saudade da avó.

— Quando ficamos sabendo o que era, ficamos muito preocupados. Agora ela está em isolamento em casa. Minha mãe está lá cuidando dela e eu estou aqui ansiosa para vê-la. 

Desafio 

Para os profissionais do hospital que atenderam a paciente, a história de dona Carlinda foi um grande desafio. Agora, ela serve de motivação para que eles sigam trabalhando na luta contra a doença. O enfermeiro Ricardo Cambraia contou que a equipe ficou muito mexida com o caso. 

— A sensação foi de vitória para nossa equipe. Ficamos muito emocionados com a saída dela do hospital. 

De acordo com os enfermeitos, apesar de fazer parte do grupo de risco, a idosa reagiu bem ao tratamento, o que deu mais confiança a toda a equipe.

Os familiares da paciente agradeceram aos profissionais que seguem envolvidos na linha de frente de combate ao coronavírus. A neta de Carlinda espera que outras famílias deem atenção às recomendações de isolamento social. 

— Peço para as pessoas se conscientizarem e acreditarem que podem, também, melhorar. Mas que, primeiro, tem que se cuidar.

Situação 

O município da região central de Minas Gerais, que declarou estado de calamidade pública no início de abril, tem, até o momento 382 notificações de coronavírus. De acordo com a Prefeitura de Pará de Minas, dentre os casos suspeitos, 5 já foram confirmados e 23, descartados.  

Veja mais:

*Estagiária do R7 sob a supervisão de Pablo Nascimento

Últimas