Novo Coronavírus

Minas Gerais Igarapé (MG) decide fechar padarias e supermercados no fim de semana

Igarapé (MG) decide fechar padarias e supermercados no fim de semana

Estabelecimentos só vão poder funcionar via delivery; cidade da Grande BH só terá postos e farmácias abertas no final de semana

  • Minas Gerais | Pollyana Sales, da Record TV Minas, com Célio Ribeiro*, do R7

Decisão tomada pela prefeitura vale por 15 dias

Decisão tomada pela prefeitura vale por 15 dias

Reprodução / Prefeitura Municipal de Igarapé

A cidade de Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte, proibiu o atendimento presencial em padarias e supermercados durante os finais de semana, em uma tentativa de reduzir a circulação de pessoas.

Esses estabelecimentos só poderão funcionar por meio de entregas. Somente postos de gasolina, farmácias, serviços de saúde humana e animal, e transporte de cargas e de pessoas poderão funcionar aos sábados e domingos.

Já nos dias úteis, o município segue as determinações da “onda roxa” do plano Minas Consciente. Apenas serviços considerados essenciais podem abrir, e os estabelecimentos comerciais devem encerrar suas atividades até às 20h. Templos religiosos podem receber visitas e atendimento individual aos fiéis, sendo proibida a reunião de mais de duas pessoas nesses espaços.

Veja: Governo de MG anuncia pacote de medidas econômicas na onda roxa

A medida tem o objetivo de diminuir ainda mais a circulação de pessoas no município e evitar a disseminação do novo coronavírus. A decisão, anunciada na noite de quinta-feira (18), é válida pelos próximos 15 dias. Após esse período, a medida deve ser reavaliada pelo Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19.

De acordo com a prefeitura, Igarapé já registrou 1.588 casos confirmados e 31 mortes pela covid-19. A taxa de ocupação dos leitos para pacientes com a doença é de 93%, enquanto 20% dos respiradores estão sendo utilizados no momento.

*Estagiário do R7 sob a supervisão de Flavia Martins y Miguel

Últimas