Novo Coronavírus

Minas Gerais Indicadores da pandemia da covid-19 em BH seguem em queda

Indicadores da pandemia da covid-19 em BH seguem em queda

Prefeito Kalil se reúne nesta quarta (14) com o comitê para discutir uma possível reabertura no comércio

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento e Célio Ribeiro*, do R7

Índices da pandemia em BH estão em queda

Índices da pandemia em BH estão em queda

Reprodução / Record TV Minas

Os três indicadores da pandemia da covid-19 em Belo Horizonte registraram, nesta terça-feira (13), mais uma redução.

O índice que está em melhor situação é a taxa de transmissão do novo coronavírus, que variou de 0,89 para 0,88, ficando na ‘fase verde’. Quando a taxa, também conhecida como Rt, fica abaixo de 1, significa que a disseminação do vírus no local está desacelerando.

A ocupação dos leitos intensivos para pacientes com covid-19 caiu de 88,1% para 86,1%, enquanto a ocupação das enfermarias passou de 69,6% para 68,4%. Restam 159 unidades de tratamento intensivo e 684 quartos de internação simples.

No dia 13 de março, logo após a prefeitura anunciar novas restrições ao comércio não essencial da cidade, a ocupação das UTIs estava em 89,2%, enquanto 75,6% dos leitos simples estavam preenchidos. A taxa de transmissão do vírus alcançava 1,25. A capital chegou a ficar sem unidades de terapia intensiva e, no dia 26 de março, a ocupação das UTIs alcançou 107,5%.

Nas últimas 24 horas, foram confirmados 52 óbitos e 1.647 testes positivos para a covid-19. A capital mineira soma 3.708 mortes e 158.533 casos confirmados da doença, além de 147.954 curados e 6.871 pessoas em acompanhamento.

Possível reabertura

Nesta quarta-feira (13), o Prefeito Alexandre Kalil (PSD) se reúne com o Comitê Municipal de Enfrentamento à Covid-19, grupo responsável por sugerir as medidas de combate à covid-19 que devem ser adotadas pelo Executivo, incluindo o fechamento e a flexibilização do comércio da cidade.

Em nota, a prefeitura informou que a reunião foi marcada após serem observadas “melhoras nos números” da pandemia. No mesmo dia, o Comitê Estadual também deve se reunir para discutir quais reuniões permanecem na ‘onda roxa’ do Minas Consciente. As mudanças no plano costumam ser anunciadas às sextas-feiras.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Pablo Nascimento

Últimas