Coronavírus

Minas Gerais Internação de crianças com suspeita de covid sobe 120% em BH

Internação de crianças com suspeita de covid sobe 120% em BH

Número mais que dobrou entre os meses de janeiro e fevereiro de 2021; para prefeitura, nova cepa pode explicar o cenário

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

Situação preocupa prefeitura

Situação preocupa prefeitura

Essam Al-Sudani/ Reuters/ 14.06.2020

O número de crianças internadas com suspeita de covid-19 em Belo Horizonte aumentou 120% entre os meses de janeiro e fevereiro deste ano.

A informação foi confirmada pelo secretário de Saúde, Jackson Machado. Segundo o representante da prefeitura, o total de internações para crianças com até 12 anos saltou de 60 para 132 no período.

— Este novo surto que está acontecendo provavelmente é em função da nova cepa que acomete pessoas mais jovens. Nossa faixa etária de pessoas internadas caiu para 42,3 anos. Pessoas mais jovens estão ficando mais acometidas e internadas por mais tempo.

Os dados da prefeitura indicam que de todos os internados em janeiro, 8 testaram positivo para coronavírus. Em fevereiro foram 15 positivos.

Ainda segundo o secretário, até o dia 10 de março já foram 109 internações, sendo 16 casos de covid-19 já confirmados. A situação preocupa a prefeitura e foi um dos motivos que levou ao fechamento recente no comércio da cidade.

— É falsa a informação que não há covid-19 em crianças. Em Belo Horizonte há casos sim, são graves e demandam internações em UTIs e existem até óbitos.

Até esta quinta-feira (11) BH havia confirmado a morte de 3 crianças com até 14 anos vítimas da covid-19.

Últimas