Novo Coronavírus

Minas Gerais Internado com covid-19, cantor Gino passa a receber oxigênio

Internado com covid-19, cantor Gino passa a receber oxigênio

Segundo o empresário da dupla com Geno, o cantor sertanejo teria se queixado de dificuldades para respirar durante a madrugada

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento e Célio Ribeiro*, do R7

Gino segue internado em um hospital de SP

Gino segue internado em um hospital de SP

Reprodução / Record TV Minas

Em tratamento contra a covid-19, o cantor Gino, da dupla com Geno, passou a receber oxigênio externo nesta sexta-feira (28). Segundo o empresário Wagner de Paula, a terapia foi necessária após o sertanejo apresentar dificuldades para respirar durante a madrugada.

De acordo com a nota divulgada pela assessoria da dupla nas redes sociais, o cantor passa bem e o estado de saúde dele continua estável. A opção pela reabilitação pulmonar foi necessária, segundo a equipe, para que Gino “seja tratado de forma mais segura”.

A oxigenação, seja invasiva ou não-invasiva, é utilizada para ajudar pacientes que perdem concentração de oxigênio no sangue. O quadro é comum em pessoas com doenças que afetam o sistema respiratório, como a pneumonia e a covid-19.

Histórico

Sebastião Ribeiro de Almeida, o Gino, tem 75 anos e nasceu em Itapecerica, a 180 km de Belo Horizonte. A dupla Gino e Geno já gravou 37 álbuns de estúdio e três DVDs em mais de 50 anos de carreira.

O cantor foi internado no último domingo (23) em um hospital de Divinópolis, a 120 km de Belo Horizonte, mas a família preferiu transferi-lo para o Hospital 9 de Julho, em São Paulo, onde trabalham os médicos que já acompanham a saúde do cantor. O sertanejo já recebeu as doses da CoronaVac.

*Estagiário do R7, sob supervisão de Pablo Nascimento

Últimas