tragédia brumadinho
Minas Gerais Investigados por crime da Vale se entregam à polícia em BH

Investigados por crime da Vale se entregam à polícia em BH

Tribunal de Justiça de Minas Gerais suspendeu o habeas corpus concedido aos 11 funcionários da Vale e aos dois engenheiros da empresa alemã Tüv Süd

Investigados se entregaram à polícia em BH

Investigados se entregaram à polícia em BH

Kiuane Rodrigues / Record TV Minas

Onze investigados sobre a responsabilidade do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho, na Grande Bh, se entregaram à Polícia Civil de Minas Gerais, nesta quinta-feira (14).

No final da tarde desta quarta-feira (13), o TJMG (Tribunal e Justiça de Minas Gerais) determinou que as 13 pessoas que já haviam sido presas na investigação voltassem à prisão. Entre eles, há 11 funcionários da mineradora Vale e dois engenheiros da empresa de consultoria alemã Tüv Süd.

Segundo informações obtidas pelo jornalismo da Record TV, a polícia aguarda a chegada dos dois empregados da empresa estrangeira que estavam em São Paulo.