Justiça de Minas autoriza casamento civil por videoconferência em BH

De acordo com o projeto, inicialmente, três cartórios de BH irão oferecer essa possibilidade; portaria foi publicada nesta quarta-feira (22), pelo TJMG

Usuário precisa realizar um cadastro prévio

Usuário precisa realizar um cadastro prévio

Divugação/ Robert Leal/ TJMG

Uma portaria publicada nesta quarta-feira (22), pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais permite que, a partir de agora,  o casamentos civil seja realizado por meio de videoconferência. A medida foi adotada devido à pandemia do novo coronavírus.

De acordo com o Tribunal de Justiça, em um primeiro momento, três cartórios de Belo Horizonte irão oferecer os serviços. São eles:

-7º Tabelionato de Notas da comarca de Belo Horizonte
-Ofício de Registro Civil com Atribuição Notarial do Barreiro
-Oficio de Registro Civil com Atribuição Notarial de Venda Nova

Ainda segundo órgão, a Justiça ainda vai definir qual a plataforma usada para a videoconferência. O usuário que deseja utilizar o serviço precisa realizar um cadastro prévio, contendo informações pessoais.

*Estagiária do R7, sob supervisão de Lucas Pavanelli