Seguranças são condenados por morte de fisiculturista em BH

Dois dos quatro seguranças acusados de matar um fisiculturista em uma boate em Belo Horizonte foram condenados a 16 anos e seis meses de prisão em regime fechado. A sentença foi divulgada durante a madrugada desta quarta-feira (26), após dois dias de julgamento.