MG no Ar Suspeito de matar ex-companheira é condenado a 39 anos de prisão

Suspeito de matar ex-companheira é condenado a 39 anos de prisão

Crime teria acontecido em 2017; Josefino Gonçalves também teria agredido filho da vítima e vai cumprir pena em regime fechado

O suspeito de matar a ex-companheira em 2017 foi condenado a 39 anos e quatro meses de prisão, em regime fechado. Josefino Gonçalves Cruz também teria agredido o filho da vítima.

Últimas