MG Record BH: 7.000 indenizações trabalhistas da pandemia estão atrasadas

BH: 7.000 indenizações trabalhistas da pandemia estão atrasadas

Falta de alvarás expedidos pela Justiça impede que pessoas demitidas no último ano recebam seus direitos rescisórios

Advogados trabalhistas cobram agilidade de uma agência da Caixa Econômica Federal em relação aos pagamentos de alvarás que, segundo eles, têm demorado até um ano para serem efetuados. Os documentos se referem a acordos entre empresas e pessoas que foram demitidas durante a pandemia da covid-19. Em Belo Horizonte, cerca de 7.000 alvarás estão em atraso.

Últimas