Isolamento social muda rotina do Mercado Central no feriado

A procura por peixes e outros alimentos tradicionais da Páscoa fazem o movimento no Mercado Central de BH aumentar nessa época. Mas as restrições impostas ao comércio para conter a pandemia da covid-19 alteraram a rotina do tradicional ponto de encontro de BH e só 120 das 400 lojas estão funcionando.