MG Record Polícia Civil indicia 41 pessoas por "rachadinha"

Polícia Civil indicia 41 pessoas por "rachadinha"

Donos de pousadas e hóspedes embolsaram dinheiro repassado pela Vale, que sofreu um prejuízo de quase R$ 100 milhões

Os moradores que foram retirados de casa por segurança pelo risco do rompimento de uma barragem em Macacos, distrito de Nova Lima, na Grande BH, estão sendo indiciados pela Polícia Civil. Eles são suspeitos de estelionato e falsidade ideológica. Junto com donos de pousadas, embolsaram quase R$100 milhões repassados pela Vale para custear as moradias provisórias. Ao todo, 41 pessoas foram indiciadas.

Veja outras reportagens do MG Record neste link.

Últimas