MG Record Projeto da UFMG atende pacientes com sequelas da covid-19

Projeto da UFMG atende pacientes com sequelas da covid-19

Trabalho de reabilitação está sendo remoto e a iniciativa deu tão certo que já tem até fila de espera

Mesmo depois de se curarem da covid-19, cerca de 40% dos doentes que recebem alta continuam com algum tipo de sintoma ou desenvolvem novos problemas ligados à doença. Em Belo Horizonte, o Projeto Respirar, da UFMG, está atendendo gratuitamente pacientes com sequelas respiratórias.

Últimas