MG Record Promotor de BH é indiciado por feminicídio contra a esposa

Promotor de BH é indiciado por feminicídio contra a esposa

Investigação aponta que Lorenza de Pinho teria sido drogada e sufocada pelo marido, André de Pinho, enquanto dormia

O MPMG (Ministério Público de Minas Gerais) e a Polícia Civil divulgaram, nesta sexta-feira (30), o relatório da investigação sobre a morte de Lorenza de Pinho, esposa do promotor André Luiz Garcia de Pinho. Os investigadores concluíram que a mulher foi assassinada pelo marido. Ela teria sido drogada e sufocada enquanto os filhos do casal dormiam no apartamento. Segundo o MPMG, a morte foi por motivação torpe, por meio cruel e com recursos que impediram a defesa da vítima.

Últimas