Minas bate recorde com 16 mortes notificadas por covid-19 em 24h

Ao todo, a Secretaria de Saúde confirmou 217 óbitos e os casos ultrapassaram a marca de 6.000; BH registra 42 mortes desde o início da pandemia

Ao todo, mortes chegaram a 217 em Minas

Ao todo, mortes chegaram a 217 em Minas

Divulgação/Unsplash

A SES-MG (Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais) registrou mais 16 mortes por covid-19 em balanço divulgado neste sábado (23), o maior número desde o início da pandemia. O boletim também contabilizou 343 novos casos. Com isso, o total de registros foi a 6.338.

Dos 16 novos óbitos, três foram registrados em Belo Horizonte. A capital mineira continua sendo a que tem maior número de mortes, com 42, no total, o equivalente a um quinto do total registrado no Estado. Juiz de Fora, a cerca de 260 km da capital mineira, também registrou outras três mortes.

As demais ocorreram em Contagem (2), São Francisco, Ibirité, Ituiutaba, Uberlândia, Mateus Leme, Pirapetinga, Itambacuri, Muriaé, Santa Cruz de Minas, Betim e Mar de Espanha.

Dentre os óbitos que passaram a constar no boletim da SES-MG está o de um jovem de 23 anos, sem doenças prévias, que morreu após passar 13 dias em uma UTI em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ele é a vítima mais jovem registrada neste sábado.

As mortes incluídas no boletim incluem dez homens e seis mulheres de 23 a 91 anos de idade. Das 16 vítimas, 14 tinham comorbidades, um não tinha e um caso ainda não foi determinado.