Minas chega a 88 mortes e 1.935 casos confirmados de covid-19

Balanço da Secretaria de Saúde aponta que outras 86.214 pessoas podem ter sido infectadas no Estado; doença já está presente em 178 cidades mineiras

Farmácias vão poder fazer testes rápidos de covid

Farmácias vão poder fazer testes rápidos de covid

Ueslei Marcelino/Reuters

A Secretaria de Saúde de Minas Gerais informou, nesta sexta-feira (1º), que foram confirmadas mais seis mortes por coronavírus no Estado nas últimas 24 horas. Com isto, o número de óbitos chega a 88.

Minas tem, até o momento, 1.935 pessoas com diagnóstico positivo para covid-19. Outras 86.214 são consideradas como casos suspeitos, mas nem todas foram testadas, já que apenas pacientes graves e profissionais da saúde estão sendo examinados.

A primeira morte pela doença no Estado foi confirmada no dia 29 de março. Até esta sexta-feira, a Secretaria de Saúde investigou 438 óbitos que foram descartados para covid.

Belo Horizonte lidera, de longe, o número de casos. A capital mineira tem 20 mortes provocadas pelo novo vírus e 590 moradores contaminados oficialmente.

Dos 853 municípios mineiros, 178 já tiveram pelo menos um caso de coronavírus. As mortes publicadas no balanço foram registradas em 46 cidades.

Isolamento

O isolamento social em Minas Gerais está sendo analisado por cada município. O Governador do Estado, Romeu Zema (Novo), deixou a cargo dos prefeitos a decisão sobre as medidas que devem ser adotadas, considerando o nível de contaminação em cada região.

O Estado começou a divulgar, nesta semana, dicas que as prefeituras podem seguir para flexibilizar a quarentena. O documento indica os tipos de cuidados que devem ser tomados em cada comércio, com orientações para empregadores, funcionários e clientes.