Minas Gerais Minas produz soro feito com plasma de cavalo para tratamento da covid 

Minas produz soro feito com plasma de cavalo para tratamento da covid 

Soro é feito a partir de anticorpos de cavalos, infectados com o vírus inativado; as primeiras 5 mil ampolas ficam prontas em janeiro de 2021

  • Minas Gerais | Lucas Pavanelli, do R7

Todo o processo de produção do soro é feito na Funed

Todo o processo de produção do soro é feito na Funed

Reprodução / Google Street View

A Fundação Ezequiel Dias (Funed), ligado ao Governo de Minas Gerais, deu início à produção de soro contra a covid-19. O primeiro lote, com 5 mil ampolas deve ser concluído até janeiro do próximo ano. 

O soro para tratamento do coronavírus é feito a partir de anticorpos de cavalos, imunizados com o SARS-Cov-2 inativado. O uso do soro será restrito ao ambiente hospitalar, a partir de prescrição médica.

De acordo com o chefe do Laboratório de Biotecnologia e Saúde da Funed, Sérgio Caldas, essa é uma alternativa enquanto não há alguma vacina disponível.

— Enquanto não há tratamentos antivirais específicos e vacinas aprovadas, o desenvolvimento do soro deve ser considerado uma opção para o tratamento da infecção.

A Funed conta com laboratório de biossegurança, onde o vírus é isolado e conta ainda com um parque industrial para a produção do soro, além de toda a pesquisa científica que embasa o desenvolvimento do soro.

Últimas