Novo Coronavírus

Minas Gerais Ministro prevê divisão igual da vacina contra covid entre os Estados

Ministro prevê divisão igual da vacina contra covid entre os Estados

Anúncio foi feito por Eduardo Pazuello durante encontro com o governador de Minas Gerais, Romeu Zema, em Belo Horizonte, nesta segunda-feira (5)

  • Minas Gerais | Camila Cambraia, da Record TV Minas, com Pablo Nascimento, do R7

Ministro conversou com o governador Romeu Zema

Ministro conversou com o governador Romeu Zema

Divulgação / Governo de Minas

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, declarou que os lotes das vacinas contra a covid-19 serão distribuídos "igualmente" entre os Estados quando os medicamentos forem aprovados.

O anúncio foi feito durante encontro com o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), em Belo Horizonte, nesta segunda-feira (5).

Pazuello também afirmou que deve convocar a imprensa para falar sobre o andamento das vacinas em teste no Brasil nos próximos dias.

Na última semana, o Ministério da Saúde informou que acompanha mais de 200 estudos sobre medicamentos contra a covid-19. Entre as vacinas em estágio avançado nos testes estão a da fabricante chinesa Sinovac, a da Universidade de Oxford, a da multinacional Pfizer e a da empresa americana Johnson & Johnson.

Mais testes em Minas

Durante o encontro com o governador, o ministro também anunciou para o Estado a entrega de três equipamentos capazes de detectar o coronavírus. Com os novos aparelhos, a capacidade diária de exames da Funed (Fundação Ezequiel Dias) deve ser ampliada de 700 para 2mil.

Leia também: UFMG recruta moradores para testar mais uma vacina

Pazuello, Zema e o secretário de Estado de Saúde, Carlos Eduardo Amaral, ainda visitaram as instalações do laboratório central da Funed.

Segundo o Governo de Minas, desde o início da pandemia, foram feitos 40 mil exames de covid-19 no laboratório. Atualmente, os resultados são entregues em 72 horas.

Saiba como estão os testes de vacinas contra a covid-19 no Brasil:

Últimas