tragédia brumadinho

Minas Gerais Moradores vão escolher obras com dinheiro de acordo com a Vale

Moradores vão escolher obras com dinheiro de acordo com a Vale

Eleitores de Brumadinho e outras 25 cidades, afetados por barragem, irão indicar investimentos de cerca de R$ 4 bilhões 

  • Minas Gerais | Vanda Sampaio, da RecordTV Minas

O Governo de Minas abriu uma consulta pública para definir a destinação de R$ 3,4 bilhões para a cidade de Brumadinho e outros 24 municípios da região, que foram atingidos pelo rompimento da barragem da Vale, em janeiro de 2019. A tragédia resultou na morte de 270 pessoas. 

A verba faz parte do acordo firmado entre o Executivo estadual e a mineradora no valor de R$ 37,7 bilhões, que foi assinado em fevereiro deste ano. 

Veja: Vale inclui despesas pagas e valor de acordo cai para R$ 31 bilhões

Consulta popular vai acontecer no mês de novembro em 26 cidades

Consulta popular vai acontecer no mês de novembro em 26 cidades

Divulgação/ Imprensa MG/ Renato Cobucci

O processo de consulta popular foi lançado pelo governador Romeu Zema (Novo) em uma cerimônia realizada nesta segunda-feira (18), na Cidade Administrativa. O objetivo é que a população escolha, por meio de votação, quais os projetos serão incluídos no termo de reparação. 

Para esta etapa da consulta popular serão destinados R$ 3,4 bilhões de um total de R$ 4 bilhões. Os outros R$ 600 milhões serão voltados para projetos de "resposta rápida" apresentados pelas partes após a realização de um diagnóstico preciso nos territórios.

Por ser a cidade atingida pela tragédia da Vale, a cidade de Brumadinho vai ficar com a maior parte dos recursos: R$ 1,5 bilhão. Os outros R$ 2,5 bilhões serão divididos entre os 25 municípios que pertencem à bacia do Paraopeba. 

A consulta pública acontecerá entre os dias 5 e 12 de novembro. Poderão votar os cidadãos que recebem auxílio-emergencial da mineradora Vale e os todos eleitores dos 26 municípios atingidos pelo rompimento da barragem, que fazem parte da bacia.

A votação ocorrerá será em pontos de apoio instalados nas cidades, pelo aplicativo MG App ou pelo portal do Cidadão, que pode ser acessado pelo endereço www.cidadao.mg.gov.br

Últimas