Minas Gerais Mulher cai em cisterna ao sair para catar pequi de madrugada em MG

Mulher cai em cisterna ao sair para catar pequi de madrugada em MG

Ela foi encontrada pelo marido horas mais tarde e foi resgatada com diversas escoriações e fraturas nas pernas e no braço

Bombeiros alertam para que proprietários sinalizem as cisternas para evitar acidentes

Bombeiros alertam para que proprietários sinalizem as cisternas para evitar acidentes

Reprodução/Bombeiros MG

Uma mulher de 38 anos caiu em uma cisterna de 15 metros de profundidade e precisou ser resgatada pelos bombeiros na cidade de Taiobeiras, a 686 km de Belo Horizonte. Ela teria saído de casa ainda de madrugada para catar pequi, fruto típico da região Norte de Minas, muito utilizado na culinária local. 

De acordo com o Corpo de Bombeiros de Salinas, a 45 km de Taiobeiras, a mulher saiu de casa antes de amanhecer, por volta de 4h30, e passou por cima da tampa da cisterna durante o trajeto. Com o peso, a tampa cedeu e ela caiu no buraco. 

A mulher só foi encontrada horas depois pelo marido, que chamou a Polícia Militar, que isolou a área e acionou os Bombeiros e uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência). 

A vítima foi retirada da cisterna por um militar e estava com várias escoriações, fraturas nas duas pernas e no braço. Ela também chegou a ter duas paradas cardiorrespiratórias, foi reanimada e levada para uma unidade de saúde pela equipe do Samu. 

Últimas