tragédia brumadinho
Minas Gerais Nível de segurança em barragem da Vale em MG aumenta após 4 meses

Nível de segurança em barragem da Vale em MG aumenta após 4 meses

Com a melhoria na estabilidade da estrutura, 51 pessoas que foram retiradas de casa em Nova Lima, na Grande BH, poderão retornar aos lares

Reprodução / Record TV Minas

A mineradora Vale confirmou, na manhã desta quarta-feira (5), o aumento no grau de segurança da barragem Vargem Grande, que fica em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. Com a mudança, as 51 pessoas que moram próximas á estrutura e estavam em hotéis pagos pela empresa poderão voltar para suas casas.

Desde o dia 20 de fevereiro, a barragem estava classificada no nível de risco 2, dentro da escala que vai de 0 a 3, sendo que quanto maior o número, pior é a situação. Após a Vale adotar uma série de medidas reparadoras, a empresa certificadora de estabilidade informou que o nível de alerta foi rebaixado para 1. Segundo a mineradora, as alterações foram registradas no sistema da ANM (Agência Nacional de Mineração), nesta terça-feira (4).

Em nota, a Vale informou vai se reunir com a Defesa Civil e com os moradores do condomínio Solar da Lagoa e das vilas "A" e Codornas para avaliar o retorno deles às suas casas.

A melhoria na segurança da estrutura também vai permitir que o trânsito seja completamente normalizado na BR-356, entre os quilômetros 37 e 40, entre as cidades de Belo Horizonte e Ouro Preto. Desde fevereiro, o tráfego era monitorado 24 horas no trecho que seria atingido por um possível rompimento da barragem de Vargem Grande.

"A mudança no status é fruto de uma série de melhorias que a Vale vem implantando na estrutura desde janeiro deste ano, como o rebaixamento do nível de água do reservatório; limpeza dos canais de drenagem e estudos de sensibilidade junto à empresa auditora para avaliação do impacto do rebaixamento do nível d'água na estabilidade da barragem.  Foi feita ainda uma detalhada avaliação técnica das deformações apresentadas no sistema de monitoramento por inclinômetros (instrumentos instalados em furos de sondagem para medição de deformações). A expectativa é de que, com a continuidade dessas ações, a estrutura seja totalmente retirada da condição de alerta", declarou a Vale, em nota.