Minas Gerais Nova Lima (MG) faz 320 anos de riquezas naturais e culturais

Nova Lima (MG) faz 320 anos de riquezas naturais e culturais

Cidade da Grande BH completa mais de três séculos com destaque nos cenários turístico, gastronômico, cervejeiro e de mineração

  • Minas Gerais | Conteúdo Patrocinado

Cidade completa 320 anos nesta sexta-feira

Cidade completa 320 anos nesta sexta-feira

Cedro Mineração/Reprodução

São mais de três séculos que contam a história das riquezas naturais e culturais de Nova Lima. A cidade da região metropolitana de Belo Horizonte que já foi Campos de Congonhas, Congonhas das Minas de Ouro, Freguesia de Nossa Senhora do Pilar de Congonhas de Sabará, Villa Nova de Lima até, por fim, receber o nome atual, completa, nesta sexta-feira (3), 320 anos de surgimento e 130 de emancipação política.

O município, com quase 100 mil habitantes, construiu relevância no território nacional pelo destaque nos cenários turístico, gastronômico, cervejeiro, esportivo e cultural. A tranquilidade e natureza do bairro São Sebastião das Águas Claras, mais conhecido como Macacos, atrai turistas e aventureiros de todo o país. Já a região do Jardim Canadá é onde se concentram as fábricas de cerveja artesanal, um convite para os amantes da bebida.

Outra riqueza que eleva a cidade é a mineração. Por muitos anos, Nova Lima viveu da produção de ouro, até que a descoberta da Mina do Morro Velho, em 1720, mudou os rumos da economia e a extração do minério se tornou uma das principais fontes de renda dos moradores do local. É o caso do Deisiano Vieira, de 33 anos, que trabalha há três na área. Mineiro de São Domingos do Prata, a 136 quilômetros de Belo Horizonte, ele saiu da cidade natal em busca de trabalho e foi em Nova Lima, em 2009, que encontrou a oportunidade de ser vigilante de um condomínio. Depois de 11 meses na função, Vieira decidiu se especializar em um antigo sonho.

— Eu estava insatisfeito como vigilante, porque eu queria progredir e vi que ali não era possível. Trabalhar como mineração sempre foi meu sonho, então fui atrás de um curso que pudesse me ajudar.

Porém, o desemprego fez Vieira adiar os planos. Após três meses sem trabalho, ele conseguiu uma vaga em uma siderúrgica em Contagem, também na Grande BH, onde passou 10 anos até ser demitido. Logo depois, com a ajuda do irmão, distribuiu currículos para três empresas diferentes de extração de minério de Nova Lima e conseguiu uma oportunidade na Cedro Mineração. Hoje, ele atua como auxiliar de mina e estuda para ser promovido na área.

— Sonhei com a mineração, mas fui obrigado a dar um passo para trás por causa do desemprego e acabei na siderurgia. Hoje, estou caminhando gradativamente na Cedro. Sou muito incentivado pela empresa nos estudos para ser promovido. Dando um passo de cada vez, estou quase me formando em técnico de mineração e, posteriormente, sonho em me tornar supervisor.

Assim como Vieira, mais de 850 trabalhadores diretos têm a mineração como forma de sustento. O auxiliar conta que a Mina da Gama, administrada pela Cedro, é parte fundamental da economia e da vida da cidade desde os anos 90.

— A contribuição é fundamental para a cidade, principalmente pela geração de emprego. É o que leva sustento para a família da gente e que nos dá a oportunidade de oferecer uma educação melhor para os nossos filhos.

Além da geração de empregos, a Cedro Mineração tem uma relação estreita com Nova Lima se envolvendo em projetos sociais, culturais e esportivos na região. Em 2020, a empresa destinou R$ 5 milhões para obras de manutenção de vias públicas, reformas de equipamentos urbanos como a rotatória do Vale do Sol, compra de câmeras de segurança e de uma viatura para a Polícia Militar. Outra preocupação da instituição é a atuação ambiental sustentável e o investimento em tecnologia. Atualmente, ela é a única do município que realiza a filtragem de 100% do rejeito de mineração, processo que dispensa a utilização de barragens.

Sobre os 320 anos de Nova Lima, Deisiano Vieira, que já está na cidade há 12 anos, comemora a data como um verdadeiro novalimense e lista os pontos altos da cidade como um convite para os visitantes.

— Nova Lima é uma cidade maravilhosa. Está perto de uma capital, mas preserva as características de interior. O índice de criminalidade é baixo, o clima é uma delícia, as paisagens e a comida são exuberantes. É um lugar maravilhoso de se viver.

Serviço - Cedro Mineração

Saiba mais: www.cedromineracao.com.br

Últimas