Minas Gerais Ocupação dos leitos de UTI para covid em BH se aproxima dos 60%

Ocupação dos leitos de UTI para covid em BH se aproxima dos 60%

De acordo com boletim epidemiológico da Prefeitura de Belo Horizonte, ocupação de leitos de enfermaria também está perto da fase amarela

Incidência da covid-19 também está em alta em BH

Incidência da covid-19 também está em alta em BH

Reprodução / Freepik

A taxa de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) nos hospitais de Belo Horizonte se aproxima dos 60%. Dados divulgados pela prefeitura, em boletim epidemiológico, nesta quarta-feira (9) mostra que a taxa de leitos ocupados específicos para covid, somando a rede pública e a privada, passou de 54,5% para 58,1% entre segunda e quarta.

A situação é pior entre os hospitais particulares que atendem, por exemplo, os moradores que têm acesso a planos de saúde. Dos 280 leitos disponíveis nessas unidades hospitalares, 198 estão ocupados, ou seja, 70,7% do total.

Na rede pública são 287 leitos, dos quais 183 estão ocupados, uma taxa de 63% de ocupação.

A taxa de leitos de enfermaria ocupados se aproxima da fase amarela. O índice passou de 47,9% para 49,9%, de acordo com o boletim epidemiológico.

Já a taxa de transmissão da covid-19 segue na fase amarela, em 1,06, o que indica uma expansão da contaminação na capital mineira.

Últimas