Minas Gerais Passageiro em Confins inventa ter bomba na mala e acaba detido

Passageiro em Confins inventa ter bomba na mala e acaba detido

Suspeito contou à Polícia Federal que mentiu porque foi impedido de embarcar em voo internacional; ele não portava teste de covid obrigatório

Polícia vez buscas em bagagem

Polícia vez buscas em bagagem

Divulgação/PF

Um passageiro, de 38 anos, foi detido pela Polícia Federal, na noite deste sábado (14), no Aeroporto de Confins, na Grande BH, depois de ter dito na área de embarque que carregava uma bomba na bagagem.

Segundo informações da PF, o suspeito teria, pouco antes, sido informado que não teria como embarcar no voo para Portugal, porque não portava o teste da Covid-19, obrigatório em voos internacionais.

Após ser acionada por funcionários, as polícias Federal e Militar fizeram uma busca completa nas bagagens do passageiro e nada foi encontrado.

O homem, ainda conforme informações da PF,  teria alegado "ser brincadeira a declaração" e o motivo do falso alerta seria "contrariedade" sentida por ele. Os procedimentos duraram nove horas.

O passageiro foi liberado e deverá comparecer em juízo e pode cumprir até seis meses de prisão, se condenado.

Últimas