Polícia Civil confirma identificação de 251ª vítima em Brumadinho

Mais de oito meses após rompimento da barragem da Vale, corpo de Carlos Henrique de Faria, de 45 anos, foi encontrado em meio à lama

Imagem aérea mostra local onde corpo da vítima foi encontrado

Imagem aérea mostra local onde corpo da vítima foi encontrado

Reprodução/Corpo de Bombeiros

O motorista Carlos Henrique de Faria, de 45 anos, é a 251ª vítima do rompimento da barragem da Vale, em Brumadinho. O corpo da vítima foi localizado na manhã desta sexta-feira (4) pelo Corpo de Bombeiros. 

Carlos Henrique era motorista de uma terceirizada da Vale e foi encontrado em meio à lama de rejeitos, a um metro e meio de profundidade. Segundo os bombeiros, o corpo da vítima estava localizado próximo a Luciano de Almeida Rocha, a 250ª vítima da tragédia, identificada na última segunda-feira (30). 

De acordo com a Polícia Civil de Minas Gerais, os trabalhos para a identificação da vítima duraram quase cinco horas. O corpo foi encontrado praticamente inteiro, mas já em estado de decomposição. As primeiras análises começaram por volta do meio dia. Após a perícia inicial no local, o corpo foi encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal), onde deu entrada as quatro da tarde.

A identificação foi realizada por meio de odontologia legal, ou seja, por meio da análise da arcada dentária. A Polícia Civil também coletou material genético para exames de DNA.

O rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, em Brumadinho completou oito meses no dia 25 de outubro. Dezenove pessoas continuam desaparecidas. As operações de resgate, feitas pelo Corpo de Bombeiros continuam no local.