Novo Coronavírus

Minas Gerais Prefeito eleito de Espera Feliz (MG) morre de covid na véspera da posse

Prefeito eleito de Espera Feliz (MG) morre de covid na véspera da posse

Maurélio Carlos da Silva (PDT) era médico e tinha 74 anos; político foi eleito para o cargo com 47% dos votos válidos

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

Reprodução / Instagram

Maurélio Carlos da Silva (PDT), médico e prefeito eleito de Espera Feliz, a 384 km de Belo Horizonte, morreu por complicações da covid-19, nesta quinta-feira (31), véspera da posse para o comando da cidade. O político foi eleito com 47,58% dos votos, aos 76 anos.

A prefeitura de Espera Feliz decretou luto oficial de três dias. O município vizinho, Dores Rio Preto, onde ele trabalhava como médico, também lamentou a morte de Silva e decretou luto na cidade.

Silva é natural de Igarapava, interior de São Paulo. Na adolescência tentou carreira como jogador de futebol profissional, jogando em equipes como o time itinerante do Flamengo, no Botafogo, no Rio de Janeiro, e na Desportiva Ferroviária em Vitório, no Espírito Santo.

O político deixa 10 filhos, 24 netos e 3 bisnetos. Com a morte de Silva, o vice eleito, Rafael Peixoto, assumirá o cargo de prefeito.

Pandemia

O último balanço da prefeitura, divulgado nesta tarde, indica que o município tem 1.014 casos confirmados de covid-19, sendo 23 óbitos.

Em toda Minas Gerais são 542.909 infectados e 11.902 mortes causadas pela doença. Hoje foi o dia em que o Estado confirmou o maior número de casos dentro de 24 hors, com 6.865 registros.

Últimas