Novo Coronavírus

Minas Gerais Prefeitura de BH estuda fechar supermercados aos domingos

Prefeitura de BH estuda fechar supermercados aos domingos

Proposta analisada pela equipe de Alexandre Kalil tem como objetivo conter a proliferação do novo coronavírus; restaurantes também podem ser fechados

  • Minas Gerais | Pablo Nascimento, do R7

Supermercados estão sob mira da prefeitura

Supermercados estão sob mira da prefeitura

Reprodução / Pexels

A Prefeitura de Belo Horizonte analisa fechar supermercados, lanchonetes e restaurantes aos domingos para conter a proliferação do novo coronavírus na cidade.

A informação foi revelada pelo prefeito Alexandre Kalil (PSD) durante entrevista ao jornal Hoje em Dia e confirmada à reportagem pela prefeitura.

Conforme nota enviada pela Secretaria de Planejamento, a viabilidade desta e outras estratégias são avaliadas. A pasta destacou, contudo, “que tais medidas estão em estudo”.

Atualmente apenas o serviços essenciais podem funcionar na cidade. A expectativa é que a situação se mantenha sem alterações na próxima semana. A prefeitura vai divulgar até o fim da tarde desta sexta-feira (10) um boletim epidemiológico com um panorama da situação da pandemia na capital mineira.

A cidade tinha até esta quinta-feira (9) 224 mortes confirmadas pela covid-19 e 9.978 moradores com diagnóstico positivo. Segundo o Governo de Minas, a capital é o município do Estado com o maior número de casos.

Dados da prefeitura apontam que Belo Horizonte tem 83% dos leitos de tratamentos leves ocupados, enquanto as áreas de terapias complexas têm ocupação de 92%

Isolamento em BH

Belo Horizonte tentou reabrir o comércio da cidade de forma gradual em maio. No final de junho, contudo, a equipe de Alexandre Kalil recuou na decisão diante o aumento no número de infectados e da demanda por atendimento médico na cidade.

Assim, desde o dia 29 de junho, só os estabelecimentos essenciais têm autorização para abrir na capital. Na lista inclui serviços como supermercados, postos de combustível, hospitais, clínicas médicas e assistências técnicas.

Leia mais: Veja a lista de comércios autorizados a funcionar em BH

Os comércios que vendem comida, como padarias, lanchonetes, restaurantes e bares, podem funcionar para entregar o produto por delivery ou na porta da loja. O consumo no local é proibido.

Últimas