Minas Gerais Prefeitura de BH libera congressos, feiras de negócios e seminários

Prefeitura de BH libera congressos, feiras de negócios e seminários

Anúncio do retorno foi feito por meio de um decreto publicado nesta sexta-feira (16), pelo Executivo; Expominas anuncia eventos ainda para 2020

Seminários e congressos poderão acontecer em BH

Seminários e congressos poderão acontecer em BH

Reprodução/Pixabay

A Prefeitura de Belo Horizonte autorizou a retomada de feiras de negócios, exposições, congressos e seminários na cidade a partir do dia 30 de novembro.

O decreto nº 17.361, que autoriza a volta das atividades, foi publicado no DOM (Diário Oficial do Município) nesta sexta-feira (16). Os eventos estavam paralizados há 7 meses devido à pandemia da covid-19.

Segundo o decreto, as atividades poderão funcionar sem restrição de dias e horários e devem seguir vários protocolos de segurança contra a disseminação da covid-19, como disponibilização de álcool 70% para higienização das mãos, distanciamento social entre os participantes e o uso obrigatório de máscara. 

A medida faz parte de uma série de flexibilizações que acontecem na cidade desde o início da pandemia no município. As autorizações se juntam aos cinemas, teatros e casas de shows que também retornarão às atividades no dia 31 de outubro.

A Prefeitura de BH também ampliou o horário de funcionamento do comércio na cidade. Antes, os estabelecimentos poderiam funcionar até às 21 horas. Agora, os locais poderão ficar abertos até às 22 horas.

Ainda segundo o Executivo Municipal, caso haja uma elevação nos indicadores epdemiológicos na cidade, o Comitê de Enfrentamento à Epidemia da covid-19 poderá recomendar a alteração das flexibilizações na cidade.

Até o último boletim epdemiológico realizado pela Secretaria Municipal de Saúde de BH, a taxa de transmissão por infectado (Rt), a taxa de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e de leitos clínicos específicos para a covid-19 está na faixa verde.

Expominas

Após ficar 8 meses sendo utilizado pelo Governo de Minas para o hospital de campanha para atendimento de pacientes com covid-19, o Expominas, localizado na Avenida Amazonas, no bairro Gameileira, na região Oeste de BH, voltará a ser um centro de eventos na cidade.

A estrutura do hospital, que custou R$ 5 milhões para ser montada, mas não recebeu nenhum paciente, foi desmontada por completo nesta quarta-feira (14).

Por meio de nota, a assessoria de imprensa do local informou a volta do público para eventos de vários tipos "exigirá muita criatividade, cautela e um enorme esforço dentro das regras e protocolos estabelecidos."

Ainda segundo a nota, o Expominas já tem eventos agendados para 2020 e que "aguardava a próxima onda de liberação pelo Comitê de Saúde da Prefeitura de Belo Horizonte e segue sua missão de incrementar, gerar renda e emprego para toda a cadeia turística e de negócios de Minas Gerais".

*Estagiário do R7 sob supervisão de Pablo Nascimento 

Últimas