Professor de artes marciais é flagrado arremessando cão contra parede

Estudante que é vizinha do homem gravou vídeo das agressões

Vídeo de agressão foi compartilhado cerca de 1.500 vezes em rede social
Vídeo de agressão foi compartilhado cerca de 1.500 vezes em rede social Record Minas
Homem chegou a pedir a pedir desculpas para estudante
Homem chegou a pedir a pedir desculpas para estudante Record Minas

Um professor de artes marciais é investigado pela Polícia Civil por arremessar um cachorro da raça Bull Terrier contra a parede da varanda de sua casa em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira. A estudante Maria Julia Junqueira é vizinha de Bruce Carvalho e registrou em vídeo a agressão. 

Leia mais notícias no R7 MG

A testemunha publicou as imagens em uma rede social e a postagem foi compartilhada cerca de 1.500 vezes. Segundo a jovem, o homem chegou a pedir desculpas e afimou que nunca mais iria agredir o bicho de estimação. Apesar da promessa, Maria Julia foi até o Ministério Público para formalizar a denúncia.  

— Ele [professor] dizia que era socos "colocados", nada fortes, e que eu não entendo porque não faço luta, mas eu escutava ele batendo no cachorro e o bicho chorando. O Bull Terrier não pode ficar com ele. 

As informações foram repassadas para a Polícia Civil que iniciou as investigações. Segundo a delegada Mariana Veiga, os envolvidos e as testemunhas já foram ouvidos.  

— Estamos agora aguardando a apresentação formal dessas imagens na delegacia para que possam ser encaminhadas para a perícia.  

Bruce Carvalho informou que já acionou seu advogado e que o animal passou por exames que negam maus-tratos.