tragédia brumadinho
Minas Gerais Risco de barragem romper aciona sirene e afeta outra cidade de MG

Risco de barragem romper aciona sirene e afeta outra cidade de MG

Depois da tragédia em Brumadinho, moradores de Barão dos Cocais, a 100 km de distância de Belo Horizonte, foram retirados de casa na madrugada

barragem minas gerais

Tragédia em Brumadinho já deixou 157 mortos

Tragédia em Brumadinho já deixou 157 mortos

Adriano Machado/Reuters - 05.02.2019

O risco de rompimento de uma outra barragem provocou o acionamento de uma sirene, na madrugada desta sexta-feira (8), e, em consequência, obrigou a retirada de parte da população de casa na cidade de Barão dos Cocais, no interior de Minas Gerais.

A cidade fica a cerca de 100 km de distância de Belo Horizonte. A barragem que pode romper é a Sul Superior da mina Gongo Soco.

Várias famílias que moram nas comunidades de Socorro, Tabuleiro e Piteiras, localizadas em Barão de Cocais, foram levadas para o ginásio poliespotivo da cidade em diversos ônibus. Este procedimento faz parte de um Plano de Ação de Emergência de Barragens de Mineração.

Em comunicado feito à imprensa às 3h20 da madrugada, a empresa Vale informou que a determinação pelo esvaziamento das residências partiu da ANM (Agência Nacional de Mineração) e é uma ação preventiva. 

"A Vale ressalta que a decisão é preventiva e aconteceu após a empresa de consultoria Walm negar a Declaração de Condição de Estabilidade à estrutura", afirma o comunicado.

De acordo com a Vale, a operação vai afetar cerca de 500 pessoas nas três comunidades.

"Como medida de segurança, a Vale está intensificando as inspeções da barragem Sul Superior. Também será implantado equipamento com capacidade de detectar movimentações milimétricas na estrutura. A Vale está trazendo consultores internacionais para fazer nova avaliação da situação no próximo domingo (10)", completou a empresa no comunicado.

Brumadinho

Em 25 de janeiro de 2019, uma barragem da Vale se rompeu na cidade de Brumadinho (MG) e provocou um rastro de destruição e mortes. O último balanço indica que 157 corpos foram resgatados da lama e 182 pessoas permanecem desaparecidas.

Assista abaixo ao vídeo com depoimento de sobrevivente da tragédia

Veja o resgate dramático de animais no mar de lama em Brumadinho